Vídeos de pesca em água salgada e dicas de especialistas

Guia para iniciantes Varas de pesca, molinetes e tipo de gabarito de passo lento

Um guia para iniciantes em jigging de passo lento

Um guia para iniciantes em tom lento

Jigging rápido envolve movimentos rápidos e mecânicos da haste para criar uma ação viva na isca, visando predadores agressivos com uma recuperação em alta velocidade.

O jigging de passo lento, por outro lado, concentra-se em um movimento de elevação e queda mais deliberado e rítmico da isca, imitando uma presa ferida ou enfraquecida, atraindo mordidas de uma variedade de espécies de peixes e muitas vezes exigindo menos esforço físico do pescador.

Vídeo de Tampa de pesca em passo lento 2024

Sobre Jigging de passo lento:

O jigging lento não é apenas uma técnica de pesca; é uma nova abordagem para experimentar a água, uma mistura de habilidade, paciência e estratégia.

O Slow Pitch Jigging, pela sua eficácia e pelo desafio único, atrai a atenção dos pescadores que procuram aperfeiçoar as suas habilidades e desfrutar da pesca de uma forma totalmente nova.

Capitão Randall Florida Fishing Co

Capitão Shaw, um anfitrião experiente em Landed Fishing e um guia profissional para o Companhia de Pesca da Flórida.

Ele compartilha sua experiência e insights sobre esse intrigante método de pesca, oferecendo aos iniciantes uma visão geral abrangente do jigging de passo lento, as TIC principais diferenças, Tipos de gabarito partir de técnicas tradicionais e Como começar.

Assista ao vídeo: Jigging de passo lento

Na série de abertura lenta, o capitão Shaw apresenta diferentes estilos de gabaritos e explica suas aplicações específicas, orientando os iniciantes no processo de escolha do gabarito certo para suas condições de pesca.

A ascensão do jigging de passo lento

O slow pitch jigging conquistou a comunidade pesqueira, cativando os pescadores com sua abordagem metódica e estratégica para a captura de peixes.

Ao contrário da ação vigorosa e rápida do jigging de alta velocidade, o jigging lento enfatiza uma técnica mais deliberada e rítmica, concentrando-se em atrair peixes com a descida lenta e vibrante do jig.

Opções de acessórios de gancho Slow Pitch Jig

O que é Jigging de passo lento?

Slow Pitch Jigging envolve uma série de subidas e descidas controladas, permitindo que o gabarito flutue e deslize pela água, imitando os movimentos erráticos da presa.

Qual é a vantagem do jigging de passo lento?

O Slow Pitch Jigging pode ser eficaz no direcionamento de espécies que normalmente não são atraídas por iscas de movimento rápido, oferecendo uma gama mais ampla de possibilidades de captura.

Carretel Jigging de passo lento LastKing

Insights profissionais: preparados para o sucesso

Confira um vídeo recente lançado no Landed Fishing, onde o Capitão Shaw se aprofunda nos fundamentos do jigging de passo lento, começando com a seleção crítica do equipamento.

Varas de Jigging de Passo Lento Varas de Pesca Reaper

Para 2024, as varas de pesca Reaper e os molinetes KastKing serão nossos equipamentos preferidos.

logotipo kast king preto
logo reaper rods lg 3

A combinação certa de cana e molinete não só aumenta a eficácia da técnica, mas também garante uma experiência mais agradável e menos cansativa para os pescadores.

Comparando o Slow Pitch Jig

Seleção de gabarito: combinando com a hachura

Um dos aspectos principais é a seleção de gabaritos de passo lento. A variedade de formas, tamanhos e cores pode ser impressionante, mas compreender o princípio básico de “combinar a eclosão” – selecionar um gabarito que se assemelhe à presa local da espécie-alvo – pode aumentar significativamente suas chances.

Gabaritos de passo lento

Armazenamento de equipamentos Slow Pitch Jig

Tipos de gabarito de passo lento

O jigging de passo lento emprega tipos específicos de iscas projetadas para imitar os movimentos naturais de presas feridas na água.

Gabaritos de vibração:

São iscas finas e simétricas que vibram ao cair, imitando um peixe moribundo.

Eficaz em diversas colunas de água e pode atrair ataques durante o outono.

Gabaritos de folhas:

Nomeados por seu formato semelhante a uma folha, esses gabaritos caem lenta e erraticamente, imitando um peixe-isca ferido.

Descidas lentas e movimentos bruscos e imprevisíveis.

Gabaritos de faca:

Longos e finos, os gabaritos de faca afundam rapidamente até a profundidade desejada e depois podem ser trabalhados lentamente para criar uma ação atraente.

Águas mais profundas, onde você precisa baixar a isca rapidamente, mas ainda deseja manter uma apresentação lenta.

Gabaritos deslizantes:

Essas iscas têm um design centralizado, permitindo que deslizem pela água com uma ação horizontal única.

Simulando uma presa em fuga ou ferida quando puxada suavemente.

Gabaritos Demersais:

Projetados especificamente para peixes que vivem no fundo, esses gabaritos têm fundo plano e cabeça pesada.

Mantenha uma orientação horizontal quando levantado e largado, imitando de perto os movimentos das presas no fundo do oceano ou perto dele.

Jigs imitando lulas:

Essas iscas imitam a aparência e o movimento da lula, uma presa comum para muitas espécies-alvo.

Os designs geralmente incluem características semelhantes a tentáculos que se movem na água.

Jigs de polvo:

Semelhante aos gabaritos que imitam lulas, essas iscas reproduzem a aparência e o movimento de um polvo. Eles geralmente apresentam materiais macios e flexíveis que criam um movimento mais realista na água.

Cada tipo de gabarito pode ser eficaz para jigging de passo lento, dependendo da espécie-alvo, das condições da água e da profundidade. Os pescadores costumam experimentar diferentes iscas para encontrar a mais eficaz para sua situação específica de pesca.

Técnica de pesca: uma dança abaixo das ondas

O jigging lento é mais do que apenas jogar uma isca na água; é uma forma de arte que requer um pouco de habilidade nos movimentos da vara para imitar um peixe ferido ou moribundo.

Captain Shaw detalha a técnica, destacando dicas como a importância do ritmo e da precisão na manipulação do gabarito.

Tom lento: próximas etapas

Para aqueles ansiosos por aprender mais sobre o slow pitch jigging, este vídeo serve como uma introdução essencial, oferecendo uma base para desenvolver suas habilidades. Com a popularidade desta técnica de pesca começando a crescer, agora é o momento perfeito para explorar o jigging lento e experimentar os desafios e recompensas únicos que ele oferece.

Explore Mais

Como pegar ovelhas no Golfo

Guia para capturar ovelhas no Golfo do México

O guia definitivo para capturar ovelhas no Golfo do México

Se você deseja adicionar esses lutadores listrados à sua lista de capturas, você está no lugar certo. Este guia capacita os pescadores com o conhecimento para atingir efetivamente Sheepshead, aprimorando sua experiência de pesca no Golfo do México.

Assista ao vídeo: Pegue e cozinhe carneiro

Novo vídeo 3/20 às 4h EST

Para aqueles que preferem iscas, pequenas imitações de crustáceos são a sua melhor aposta. Pegar Sheepshead requer paciência e o equipamento certo, sendo o início da manhã ou o final da tarde os horários ideais para as mordidas.

A melhor época para a pesca de Sheepshead é do final do inverno ao início da primavera, alinhando-se com o período de desova.

Sheepshead, conhecidos por sua carne firme e branca, não são apenas divertidos de capturar, mas também excelentes para comer.

Onde encontrar cabeça de ovelha

Sheepshead prefere águas mais frias e profundas, mas move-se para a costa à medida que fica mais frio. Eles adoram estruturas como docas e pontes onde estão cracas e ostras. Verifique com o pessoal da marina local e outros pescadores que são ótimas fontes de informações sobre onde encontrá-los.

No mar

Observe estruturas e recifes artificiais durante o verão. Esse é o esconderijo de verão deles.

Perto da costa:

De novembro a fevereiro, fique de olho em estruturas como pedras e postes de sinalização. Eles gostam de ficar por lá.

Costeiro:

Durante os meses mais frios, você os encontrará perto de cais, docas e paredões. Eles gostam muito de estruturas, né?

Quando eles mordem:

À medida que a água esfria, por volta de novembro até o final de fevereiro, as cabeças de ovelha começam a se mover para a costa. É como o período de férias deles. Cuidado com a maré. Quando se move, é mais provável que o carneiro morda sua isca.

Equipamento de pesca para ovelha

Equipamento preferido? Fiação leve ou lançamento de isca.
Uma haste média a robusta com 6 a 7 pés de comprimento é o ideal.
Opte por uma linha trançada de 12-20 lb com um líder de fluorocarbono de 15-20 lb.
Ganchos circulares são a melhor opção, especificamente o tamanho # 1.0, já que ganchos menores funcionam melhor.

Capturando Sheepshead usando Dead Shrimp

Qual é a melhor plataforma de pesca para Sheepshead?

Um equipamento Carolina com líder curto é sua melhor aposta para manter a isca perto do fundo. Ganchos menores são preferidos, pois a cabeça de ovelha pode ser bastante exigente.

Qual é a melhor isca?

Quando se trata de Sheepshead, a isca viva reina suprema. Caranguejos violinistas, camarões e pulgas da areia são as principais opções. Essas criaturas imitam a dieta natural do Sheepshead, tornando-as irresistíveis.

  • No início da estação fria, opte por caranguejos violinistas, ostras e mariscos.
  • As pulgas da areia são irresistíveis para eles.
  • À medida que o inverno avança, o camarão se torna uma isca aceitável.

Caranguejos violinistas, cracas, ostras, amêijoas, camarões e pulgas da areia estão todos no menu. No início da temporada, o foco é caranguejos e cracas. Temporada intermediária ou tardia? O camarão se tornou seu favorito.

Pego Sheepshead na rede

Sheepshead Bite corta iscas ou iscas?

Sheepshead pode ser meticuloso. Embora prefiram iscas vivas, eles não torcem o nariz para iscas cortadas, especialmente quando fazem parte de seu menu preferido. No entanto, a isca viva é mais eficaz para desencadear os seus instintos predatórios.

As iscas funcionam?

Sim, Sheepshead atacará as iscas, mas há um porém. Eles são conhecidos por sua seletividade.

Melhores iscas?

Escolha iscas que imitem suas presas naturais, como pequenas imitações de crustáceos. Plásticos macios que parecem caranguejos ou camarões podem resolver o problema.

Pego Sheepshead na rede

O equipamento Carolina, Jig head ou drop shot, combinado com anzóis de tamanho 1 a 4, é recomendado para uma captura bem-sucedida.

Técnicas de pesca para ovelha

Mantenha sua linha esticada para notar os pequenos toques. Use a metade inferior de um camarão como isca. Certifique-se de que sua isca esteja próxima da estrutura e verifique seu equipamento com frequência.

Eles têm bocas pequenas, então mantenha a isca pequena. Tente raspar as cracas para atraí-las e use gabaritos lentos.

Jigging para Sheepshead

Uma cabeça de gabarito de 1/4 a 1/2 onças é a sua escolha. Combine-o com uma imitação de crustáceo para obter melhores resultados. Ao fazer jigging, um cabeçote de 1/4 a 1/2 onças é ideal. Os pescadores costeiros também podem ter sucesso perto de estruturas como cais e molhes.

Pesca de Sheepshead no Golfo do México

Sheepshead é fácil de capturar?

“Fácil” pode não ser a palavra certa, mas com a abordagem certa, você pode capturar Sheepshead com sucesso. Paciência e a isca ou isca correta são fundamentais.

Cronometrando suas mordidas

Sheepshead são mais ativos e propensos a morder durante as partes mais frias do dia, como no início da manhã ou no final da tarde.

Ajustando da maneira certa

O melhor equipamento? Um equipamento Carolina ou um equipamento drop shot fazem maravilhas. Isso permite que sua isca fique perto das estacas e estruturas que Sheepshead adora, sem ficar presa.

Enganchado no tamanho certo

Quando se trata de ganchos, menor geralmente é melhor. Os anzóis de tamanho 1/0 a 4/0 são ideais, permitindo que a isca seja apresentada com mais naturalidade.

Onde pegar ovelhas no Golfo do México

Sheepshead é bom para comer?

Absolutamente. As cabeças de ovelha são deliciosas, com polpa firme e branca, excelente para uma variedade de pratos. Basta estar atento aos regulamentos relativos ao tamanho e limites de bagagem.

Sheepshead pode ser capturado na costa?

Sim, você pode pegar Sheepshead na costa, especialmente perto de cais, molhes e outras estruturas.

Pegando Sheepshead no Golfo

Qual é a melhor hora para capturar ovelhas?

O final do inverno até o início da primavera é a alta temporada de Sheepshead ao longo da Costa do Golfo. Eles se reúnem em maior número, especialmente na época da desova, tornando-os mais fáceis de atingir.

Agora que você está equipado com o essencial para capturar Sheepshead no Golfo do México. Lembre-se de que é uma questão de paciência, da isca ou isca certa e da compreensão de seus hábitos.

Limpeza de ovelha

É um pouco complicado devido à sua grande caixa torácica. Mantenha a lâmina próxima à coluna e use um corte em V para remover quaisquer ossos pequenos.

Por que Cabeça de Carneiro?

Eles são difíceis de capturar, lutar muito e têm um ótimo sabor. Você pode capturá-los no mar, na costa e nos cais, tornando-os um alvo versátil para todos os pescadores.

Boa pescaria e que suas linhas fiquem bem apertadas com o prêmio listrado do Golfo!

Explore Mais

Como capturar Cobia no Golfo do México

Capturando Cobia no Golfo do México

Bem-vindos a bordo, companheiros pescadores! Hoje, estamos mergulhando profundamente na arte de capturar um dos peixes esportivos mais emocionantes do Golfo do México – o Cobia.

Capitão Randal Cobia capturado no Golfo do México

O Cobia: um peixe que vale a pena lutar

Cobia não é apenas mais um peixe; é uma captura valiosa tanto por sua luta desafiadora quanto por seu sabor delicioso. Comparado ao peixe-rei de cauda amarela, a carne firme e agradável do cobia o torna um peixe muito procurado para a mesa de jantar. Mas é a emoção da captura que realmente atrai os pescadores. Essas criaturas podem crescer até um metro e oitenta e pesar quase 100 quilos, proporcionando uma batalha que lembra um rodeio no mar.

cobia pesca offshore tampa florida Médicos foram pescar

Sobre a Cobia, Hábitos e Dieta

Cobia prospera em águas profundas, mas adora a borda onde o raso encontra o profundo, especialmente em torno de estruturas que quebram a monotonia do fundo do oceano.

Eles não são tímidos, muitas vezes nadando perto da superfície, o que os torna um alvo preferencial para a pesca à vista. Esses peixes de água salgada são oportunistas, alimentando-se de camarões, caranguejos e peixes menores, muitas vezes seguindo tubarões para roubar sobras.

Vídeos de pesca sobre captura de Cobia

Nossas aventuras perto das plataformas de petróleo da Louisiana e no mar de Tampa, Flórida, mostraram os diversos habitats em que o cobia prospera. Perto das plataformas de petróleo, as estruturas abaixo da superfície criam um refúgio subaquático para o bijupirá, tornando-os um ponto de acesso para os pescadores que procuram pousar um grande problema. Ao largo da costa de Tampa, o mar aberto desafia suas habilidades de pesca, testando sua capacidade de detectar e atrair beijupirá em águas vastas e abertas.

Os Cobia são alimentadores de fundo?

Compreendendo os hábitos alimentares de Cobia

Cobia não alimenta o fundo por limitação, mas por oportunidade. Tanto os adultos quanto os juvenis grandes têm uma dieta diversificada, com destaque para azuis e caranguejos. Eles também se alimentam de várias espécies de camarões e peixes, incluindo pequenos tubarões, raias e patins, tornando sua dieta um reflexo dos ricos ambientes marinhos que habitam.

carta de pesca de cobia no Golfo do México

Onde e quando encontrar Cobia

Da costa da Virgínia até o Golfo do México, Cobia pode ser capturada por pescadores. Na Flórida, as águas do Golfo ao largo da costa da Flórida são conhecidas por suas corridas de cobia.

Estes peixes migram, movendo-se de norte a sul com as estações, com horários de pico no norte do Golfo, de março a outubro. Se você estiver pescando na costa natural da Flórida ou no panhandle do norte no início da primavera ou procurando águas mais profundas no verão, conhecer seus padrões migratórios é fundamental.

Qual é o melhor lugar para pegar Cobia?

Locais privilegiados para a pesca de Cobia

O Golfo do México é um vasto campo de jogo para a pesca do cobia, oferecendo oportunidades durante todo o ano. No entanto, a alta temporada traz a melhor ação. O início da primavera vê as águas offshore do Panhandle repletas de cobia, enquanto o verão aquece as águas próximas à costa ao longo da costa do Golfo. Conhecer essas épocas e locais de pico pode aumentar significativamente suas chances de uma captura memorável.

anna maria cartas de pesca na flórida

Qual é o melhor mês para a pesca de Cobia?

Cronometrando suas aventuras de pesca Cobia

Para a melhor experiência de pesca do bijupirá na Flórida, planeje de março a outubro e, às vezes, até novembro, quando o bijupirá povoa o norte do Golfo do México. Quem quiser se aventurar em viagens mais longas ou noturnas tem a oportunidade de pescar bijupirá durante todo o ano, inclusive nas águas do Sul, embora seja necessário um pouco mais de paciência.

Melhores épocas para capturar Cobia na costa da Flórida

Cidades Melhor hora para pegar Cobia
Pensacola Mês de março
Destin Mês de março
cidade do Panamá Mês de março
Tampa Março - junho
Sarasota Março - junho
Fort Myers Março - junho
Miami Abril - junho

Qual é o tamanho dos ganchos para cobia?

Escolhendo o tamanho certo do gancho

Para aqueles que visam o bijupirá, selecionar o tamanho de anzol apropriado é crucial. Ganchos entre 7/0 e 9/0, sejam ganchos “J” ou ganchos circulares, são recomendados. Marcas como Gamakatsu, Owner e Eagle Claw são escolhas confiáveis, garantindo que seu equipamento esteja à altura da tarefa. Além disso, um suporte giratório robusto na classe de 100 a 150 libras, como Billfisher ou Spro, pode ajudar no manejo desses peixes poderosos.

pesca offshore em água salgada tampa flórida ep53

Melhores iscas para capturar Cobia

O que há no cardápio da cobia? Pinfish são a melhor escolha, seus movimentos frenéticos são irresistíveis para o beijupirá rondante. Mas a dieta do cobia é diversificada, por isso não hesite em oferecer camarões, caranguejos ou até mesmo iscas cortadas.

Lembre-se de que a variedade é o tempero da vida e, para o cobia, uma isca pode ser irresistível, especialmente se imitar sua presa natural.

Qual é a melhor isca para o cobia?

Selecionando a isca perfeita para Cobia

Quando se trata de iscas, a maioria dos guias de pesca do cobia prefere gabaritos. Cerca de oito em cada dez dirão que o gabarito é a isca ideal para a captura do bijupirá, graças à sua eficácia.

Cobia tem uma queda por enguias, então iscas que imitam enguias são especialmente bem-sucedidas. Quer você seja um pescador amador ou experiente, lembre-se de que um gabarito semelhante ao da enguia pode ser o seu ingresso para uma captura bem-sucedida.

Pescaria Técnicas para Capturar Cobia

Transmitir e recuperar

Uma técnica testada e comprovada que faz maravilhas. Lance sua isca e, com recuperações curtas e precisas, você imitará o movimento errático da presa.

Um conjunto de anzol firme é crucial quando você sente aquele baque distinto – os cobia são difíceis, e prender o anzol significa tudo naquele momento inicial.

Pesca à Vista Cobia

Identifique seu alvo, lance sua linha e deixe a isca fazer sua mágica. Esse método exige paciência e precisão, permitindo que a isca afunde enquanto o bijupirá investiga.

A emoção de ficar com Cobia e ouvir aquele grito do carretel é incrível, como lhe dirá qualquer pescador que tenha a oportunidade de pescar esses peixes.

pegando cobia no golfo do méxico em escala

Cobia comerá isca cortada?

Isca Cobia

Cobia não é exigente quando se trata de cortar iscas. Uma variedade de peixes pequenos e de tamanho legal, como corvina, mancha, peixe-porco, truta cinzenta e anchova, servem como isca excelente, sendo as enguias as favoritas em muitas áreas.

A menhaden e a anchova frescas são iscas de corte eficazes, atendendo ao comportamento alimentar oportunista do cobia.

Cobia é difícil de capturar?

O desafio de capturar Cobia

Cobia apresenta um alvo atraente para pescadores de todos os níveis de habilidade. Eles são considerados relativamente fáceis de capturar, alinhando-se bem com as preferências de novatos e especialistas.

Além do esporte, os bijupirás são elogiados pelo sabor, oferecendo uma opção deliciosa, saudável e sustentável para os pescadores que desejam saborear o pescado à mesa.

Peixe de água salgada que vale a pena pescar

Capturar cobia no Golfo do México é uma aventura que combina habilidade, conhecimento e a emoção da caça. É um teste para suas habilidades de pesca e uma chance de experimentar a pescaria da sua vida!

Incorporar estes conhecimentos na nossa estratégia melhora a nossa abordagem à pesca do bijupirá no Golfo do México, garantindo que estamos bem preparados para enfrentar estes incríveis peixes de água salgada.

Pesca Offshore Cobia Tampa Flórida

Pesca Offshore Cobia Tampa Flórida

Muito bem, entusiastas da pesca, vamos mergulhar no azul (Golfo do México), que é tão emocionante quanto instrutivo.

Pesca offshore em Tampa, Flórida

Capturando Cobia no Golfo do México

No episódio 53 da série de vídeos Landed Fishing, nos juntamos ao Capitão Randall e à dupla dinâmica Steven e Audrey do Canal de Médicos que Pescaram no YouTube. Essas pessoas não estão apenas mergulhando os pés na água; eles estão mergulhando no coração do Golfo do México com um plano ambicioso.

Assista agora: Capturando Cobia no Golfo

Médicos foram pescar

Obrigado aos nossos convidados Steven e Audrey! Se você ainda não conhece o canal deles!

Sobre Capturando Cobia: Episódio 53

Durante dois dias cheios de adrenalina, a tripulação se concentra na arte clássica da pesca de fundo e do jigging, visando o sempre esquivo pargo e a garoupa. Sua estratégia de isca? Um buffet diversificado que vai desde pinfish vivos, iscas brancas e camarões, até uma impressionante coleção de iscas artificiais. Eles não estão deixando pedra sobre pedra, ou devo dizer, nenhuma isca sem morder.

Lutando contra a pesca de Cobia no Golfo

Mas é aqui que a história dá uma guinada para o épico. Depois de um longo avanço de 60 milhas da costa oeste da Flórida, eles se encontram em um local conhecido como Degraus, perto de uma nascente de água doce situada a cerca de 140 metros de profundidade. Justamente quando você pensa que é mais uma captura rotineira, eles se deparam com um grande grupo de bijupirás migratórios.

cobia pesca offshore tampa florida Médicos foram pescar

Sobre Cobia

Cobia são peixes migratórios no Golfo do México – fortes, esquivos e uma captura premiada para qualquer pescador.

No episódio

Com suas linhas planas, a equipe se envolve no que promete ser a captura de sua vida. Mas há uma reviravolta. O equipamento que trouxeram para este confronto subaquático é, para dizer o mínimo, insuficiente para a tarefa em questão. Os gigantes do golfo decidem levar a vara de pesca mais leve, equipada com apenas fluorocarbono de 20 libras e linha trançada de 30 libras. Para os novatos em pesca, isso é como levar uma faca para um tiroteio.

Pesca em água salgada com o capitão Randall no Golfo do México

O que se desenrola é uma batalha David vs. Golias entre o poderoso cobia e os nossos intrépidos pescadores. É uma prova da imprevisibilidade da pesca no Golfo do México e um lembrete claro de que na pesca, como na vida, a preparação encontra a oportunidade.

Então, o que os aspirantes a pescadores podem tirar desta história épica? Em primeiro lugar, respeite sempre a imprevisibilidade do mar e dos seus habitantes. Em segundo lugar, prepare-se adequadamente – embora o equipamento leve seja um desafio emocionante, é crucial combinar o seu equipamento com o tamanho e a força potenciais da sua presa.

Capturando o pargo Yellowtail no Golfo do México

Pescando toda a coluna d'água

Como regra geral, ao pescar no Golfo, muitas vezes ajuda pescar toda a coluna de água, o que significa ter linhas em várias profundidades para garantir a cobertura desde a superfície até ao fundo quando se pesca no mar.

Por último, abrace a aventura. A pesca tem tanto a ver com a experiência e as histórias como com a captura.

Capturando o pargo Yellowtail no Golfo do México

Para todos os pescadores que sonham com sua grande aventura no Golfo do México, deixe o episódio 53 de Landed Fishing ser um conto de advertência e uma inspiração. O Golfo é vasto e repleto de desafios, mas para aqueles que estão dispostos a enfrentar as suas profundezas, oferece recompensas incalculáveis. Boa pesca!

Aprenda a pegar Cobia

Explore Mais

Iniciando um negócio de fretamento de pesca

Iniciando um negócio de fretamento de pesca

Iniciando um negócio de fretamento de pesca

O capitão Randall Shaw passou uma década dominando os mares como capitão de fretamento de pesca e agora está lançando o tapete de boas-vindas para você se juntar às fileiras dos operadores fretados de sucesso.

Capitão Randall Shaw

Os nossos curso online de capitães no LandedFishing Teachable, “Como iniciar um negócio de fretamento de pesca”, é o seu bilhete dourado. Se você tem uma paixão ardente pela pesca e sonha em transformá-la em seu sustento.

anna maria florida cartas de pesca em escala

Quer ser um capitão de pesca?

Tornando-se um guia de pesca em tempo integral

Tudo bem, indo direto ao ponto, tornar-se um capitão de barco de pesca não é apenas amar a pesca ou ser bom nisso. É uma mistura de habilidade, conhecimento, visão de negócios e paciência. Aqui está o que você realmente precisa se concentrar:

Licenciamento e Certificações:

Em primeiro lugar, você não pode pular as questões legais. Dependendo de onde você planeja operar, você precisará de uma licença de capitão emitida pelas autoridades competentes.

Com opções presenciais e on-line, encontrar o método que melhor se adapta à sua programação é um ótimo lugar para começar.

Barco e Equipamento:

Seu barco é seu escritório. Não precisa ser um iate, mas precisa ser apresentável, confiável, seguro e adequado para o tipo de barco de pesca que você deseja oferecer.

Igualmente importante é o seu equipamento de pesca e equipamento de segurança. Mantenha tudo em perfeitas condições e esteja preparado para manutenção regular.

Conhecimento e Experiência:

Conhecer as águas locais como a palma da sua mão não é negociável. Padrões de peixes, locais de navegação seguros e regulamentações locais – você precisa ser uma enciclopédia do seu domínio.

O curso Landed Fishing pode lhe dar uma vantagem, mas não há substituto para o tempo gasto na água.

Habilidades de negócio:

Administrar uma carta é administrar um negócio. Você precisará gerenciar reservas, marketing, atendimento ao cliente e finanças.

Não se trata apenas de pescar; trata-se de criar experiências memoráveis ​​para seus clientes. O boca a boca pode fazer ou quebrar seu negócio.

Segurança:

Isto é fundamental. Você é responsável por cada alma a bordo.

A certificação de RCP e primeiros socorros, juntamente com exercícios de segurança rigorosos e um plano de emergência bem elaborado, são seus melhores amigos.

Paciência e habilidades pessoais:

Finalmente, esta é uma indústria de serviços. Você conhecerá todos os tipos de clientes e nem todos os dias na água serão perfeitos.

Ser capaz de manter uma atitude positiva, mesmo quando os peixes não estão mordendo, pode diferenciar você.

anna maria florida cartas de pesca em escala

Aprendendo o que é preciso para ser um guia de pesca charter de sucesso

Para quem está considerando seriamente esse caminho, o Curso de Capitães da Pesca Desembarcada é um excelente ponto de partida. Ele pode fornecer a você o conhecimento e as credenciais para colocar seu negócio charter no caminho certo. Depois disso, é trabalhar, aprender continuamente e sempre se esforçar para oferecer a melhor experiência aos seus clientes.

Pesquisa de mercado e identificação de sua equipe:

Saber quem você está pescando é o primeiro passo. Shaw tem informações sobre como identificar seus clientes ideais e adaptar seu negócio para atender às expectativas deles. Trata-se de encontrar o seu lugar no vasto oceano de oportunidades.

Escolhendo sua embarcação com sabedoria:

Seu barco é mais do que apenas um barco; é a base da experiência do seu hóspede. Shaw irá guiá-lo na escolha do navio certo que se alinhe com sua visão, garantindo que ele esteja equipado para proporcionar viagens inesquecíveis.

O mar de regulamentações e burocracia pode parecer assustador, mas Shaw o torna navegável. Ele cobre tudo, desde a obtenção da licença até a garantia de que sua operação seja honesta e à prova de balas em termos de segurança e legalidade.

Marketing que faz ondas:

Na era digital, sua presença online é sua vitrine. Shaw ensina como construir uma marca que fala por si e como usar as mídias sociais de maneira eficaz para atrair o tipo certo de atenção.

Criando jornadas inesquecíveis:

É aqui que sua paixão brilha. Shaw enfatiza a importância de criar experiências que façam com que os clientes voltem sempre. Não se trata apenas da captura; é sobre aventura e memórias.

Direcionando seu negócio adiante:

Administrar um fretamento bem-sucedido vai além do mar aberto. Shaw tem estratégias para gerenciar suas finanças, expandir seus negócios e manter o fluxo de reservas.

carta de pesca de cobia no Golfo do México

Assuma o comando: torne-se um capitão

O curso do capitão Randall Shaw não trata apenas de aprender o básico; é uma plataforma de capacitação para pescadores prontos para comandar seus destinos. Se você quer mesmo deixar sua marca no mundo da pesca fretada, este é o seu apelo à ação. Com a experiência da Shaw como guia, você não está apenas começando um negócio; você está embarcando em uma aventura que pode redefinir sua vida.

Você está pronto para transformar sua paixão em profissão? Sua jornada começa aqui.

Mangrove Snapper captura e cozinha tacos de peixe Sarasota, FL

Mangrove Snapper captura e cozinha tacos de peixe enegrecido

Pesca perto da costa para Mangrove Snapper em Sarasota, Flórida

Sarasota, Flórida, é conhecida por sua vida marinha rica e diversificada, tornando-a um local privilegiado para a pesca costeira, especialmente para o Mangrove Snapper. Este guia fornece dicas e insights essenciais para ajudar pescadores novatos e experientes em sua busca por esse peixe tão procurado.

Episódio 48 de Pesca Desembarcada

Pesca de pargo de mangue, captura e cozinha tacos de peixe enegrecido

Junte-se ao Capitão Randall neste episódio emocionante enquanto ele se aventura na costa de Sarasota para uma viagem de pesca nas férias. A equipe se concentra na pesca de fundo, visando Mangrove Snapper, Grouper e Key West Grunts.

O episódio culmina em um delicioso segmento de culinária onde o Capitão Randall demonstra como preparar Tacos de Pargo de Mangue Enegrecidos frescos. Usando o tempero do Chef Paul e uma grelha Blackstone, ele revela uma receita simples com cinco ingredientes que não só é rápida de preparar, mas também incrivelmente deliciosa.

Dicas para a pesca do pargo no mangue

Mangrove Snapper, também conhecido como Gray Snapper, é comumente encontrado em torno de estruturas como docas, manguezais e recifes. Eles são alimentadores oportunistas, o que os torna uma captura desafiadora, mas gratificante.

Melhor isca e equipamento para o Florida Mangrove Snapper:

Iscas vivas, como camarões, peixes pequenos ou caranguejos, são altamente eficazes. Use um equipamento leve a médio com um líder de fluorocarbono para evitar que o pargo veja a linha. Anzóis circulares funcionam bem para esses peixes.

Tempo e maré:

Os melhores horários para pescar o Mangrove Snapper são de manhã cedo ou no final da tarde. Fique atento aos horários das marés; marés móveis podem resultar em alimentação mais ativa.

Técnicas de pesca:

A pesca de fundo é uma técnica popular e eficaz. Posicione seu barco sobre a estrutura e solte a isca no fundo. Esteja pronto para uma refeição rápida; Mangrove Snapper são rápidos e podem roubar iscas facilmente.

Por que escolher uma carta de pesca em Sarasota?

Um barco de pesca em Sarasota oferece uma experiência inesquecível. Os fretamentos locais fornecem orientação especializada, conhecimento dos melhores locais de pesca e todo o equipamento necessário. É uma maneira fantástica de garantir uma viagem de pesca divertida e bem-sucedida, seja você um pescador experiente ou tentando pescar pela primeira vez.
Pescar Mangrove Snapper em Sarasota é uma experiência imperdível. Com as técnicas certas, a isca e um pouco de paciência, é provável que você tenha um passeio memorável e bem-sucedido.

Pesca de mangrove snapper em Sarasota, Flórida: suas perguntas respondidas

O que é Mangrove Snapper e por que pescar para eles em Sarasota?

Mangrove Snapper, também conhecido como Grey Snapper, é um peixe esportivo popular encontrado nas águas da Costa do Golfo ao redor de Sarasota. Eles são procurados por sua habilidade de luta e sabor delicioso. Os habitats costeiros únicos de Sarasota, como manguezais e tapetes de ervas marinhas, tornam-no um local ideal para a pesca do Mangrove Snapper.

Quando é a melhor época para pescar Mangrove Snapper em Sarasota?

A melhor época para pescar Mangrove Snapper em Sarasota é durante os meses mais quentes, do final da primavera ao início do outono. Eles são particularmente ativos durante o início da manhã e no final da tarde.

Que tipo de equipamento é recomendado para a pesca do pargo no mangue?

Uma vara de ação leve a média com carretel giratório ou de lançamento de isca é o ideal. Use uma linha de teste de 10-20 lb com um líder de fluorocarbono para permanecer menos visível na água. Anzóis circulares de tamanho 2/0 a 4/0 são eficazes para proteger esses peixes de mordida rápida.

Quais são as melhores iscas e iscas para o Mangrove Snapper?

Camarões vivos, peixes pequenos (como sardinhas ou sardinhas) e iscas cortadas são excelentes opções. Para iscas, pequenos gabaritos e camarões artificiais podem ser eficazes, especialmente na pesca em águas mais claras.

Onde estão os melhores locais para encontrar mangrove snapper perto de Sarasota?

Procure áreas com estrutura, como perto de raízes de manguezais, docas, cais e recifes artificiais. As águas ao redor da Baía de Sarasota, Longboat Key e perto da Ponte Skyway são pontos críticos conhecidos.

Quais são algumas técnicas eficazes para capturar o pargo do mangue?

A pesca de fundo é a técnica mais eficaz. Lance sua isca perto de estruturas e deixe-a afundar. Esteja alerta, pois os Mangrove Snapper são conhecidos por suas mordidas rápidas.

Há algum regulamento ou limite para a pesca do pargo em manguezais em Sarasota?

Sim, existem limites de tamanho e bagagem para Mangrove Snapper na Flórida. É importante verificar os regulamentos mais recentes com a Comissão de Conservação de Peixes e Vida Selvagem da Flórida antes de sair.

Os iniciantes podem pescar com sucesso o pargo do mangue?

Absolutamente! A pesca do Mangrove Snapper é ótima para pescadores de todos os níveis de habilidade. Considere contratar um guia local ou charter para ter a melhor experiência, especialmente se você é novo na área ou neste tipo de pesca.

Os barcos de pesca estão disponíveis para caçar manguezais em Sarasota?

Sim, vários charters são especializados na pesca costeira em torno de Sarasota. Eles fornecem orientação especializada, equipamento e conhecimento dos melhores locais de pesca, o que é inestimável para atingir o Mangrove Snapper.

O que devo fazer com minha captura?

Mangrove Snapper é conhecido por seu sabor delicioso. Você pode grelhar, fritar ou assar. Cartas e guias locais geralmente fornecem receitas ou dicas de culinária para aproveitar ao máximo sua pescaria.

Pescar Mangrove Snapper em Sarasota é uma experiência muito divertida, oferecendo tanto um desafio esportivo quanto uma delícia culinária. Com o equipamento, as técnicas e o conhecimento local certos, você estará pronto para uma emocionante e bem-sucedida aventura de pesca na Costa do Golfo da Flórida!

Pesca Tripletail no Golfo do México

Capturando Tripletail no Golfo do México

Pescando Tripletail

A pesca do tripletail na área central do Golfo da Flórida é uma aventura incrível, oferecendo aos pescadores a oportunidade de pescar um dos peixes mais exclusivos e saborosos da região.

Assista ao vídeo: Tripletail Fishing Tampa, FL

Tripletail são mais comumente encontrados nas águas da Flórida durante a primavera, verão e outono. Eles são particularmente conhecidos por seu método desafiador e emocionante de captura – a pesca à vista.

Os pescadores procuram por tripletail que parecem estar “flutuando” perto da superfície, muitas vezes em torno de linhas de ervas daninhas ou ao longo de linhas de bóias de armadilha para lagostas ou caranguejos. Este método requer uma visão aguçada e uma abordagem furtiva, uma vez que estes peixes podem muitas vezes ser bastante cautelosos.

Pesca de cauda tripla em Tampa Flórida

Pegando Tripletail

O Golfo do México é um local privilegiado para a pesca tripletail devido aos seus diversos habitats subaquáticos, incluindo estuários, baías e águas costeiras, todos os quais proporcionam ambientes perfeitos para o desenvolvimento do tripletail.

4 fatos sobre Tripletail

Comportamento flutuante: Tripletail são únicos por flutuarem de lado perto da superfície, imitando folhas ou detritos para emboscar presas, daí seu nome refletir a aparência de três caudas quando deitados de lado.

Migração e Habitat: Habitam águas costeiras e offshore em torno de estruturas e são migratórios, movendo-se com as mudanças de temperatura da água, comumente encontrados no Golfo do México e no sudeste dos EUA.

Pesca Tripletail Tampa Flórida

Mudança de cor: Tripletail pode mudar sua cor para combinar com o ambiente, auxiliando tanto na emboscada de presas quanto na evasão de predadores.

Lutadores Fortes: Quando fisgados, os tripletail são conhecidos por lutas vigorosas, caracterizadas por balançar a cabeça e corridas poderosas, desafiando os pescadores.

Comida deliciosa

Pegar um tripletail não envolve apenas a emoção da caça; é também uma questão de recompensa. Eles são conhecidos por sua polpa firme e branca e por um sabor que muitas vezes é comparado ao caranguejo ou à lagosta.

Pesca em água salgada Tripletail

Diversão para pescadores de todos os níveis de habilidade

Quer você seja um pescador experiente ou um pescador novato, a experiência de fisgar um tripletail certamente será memorável, cheia de expectativa, emoção e, esperançosamente, um jantar delicioso. A costa central do Golfo da Flórida, com suas águas quentes e abundante vida marinha, oferece um dos melhores lugares do mundo para embarcar nesta aventura de pesca.

Explore Mais

Pesca o ano todo em Tampa Florida Skyway Bridge

Pescando na Sunshine Skyway Bridge da Flórida A Skyway Bridge, oficialmente conhecida como…
Guia para iniciantes Varas de pesca, molinetes e tipo de gabarito de passo lento

Guia para iniciantes em passo lento O jigging rápido envolve haste mecânica rápida ...

Pesca costeira de inverno em água salgada Dicas de pesca em clima frio

Pesca em clima frio em Boca Grande

Melhores equipamentos de pesca de pargo vermelho

Melhores equipamentos de pesca para capturar pargo vermelho

Configuração do Red Snapper Rig

Um dos segredos para capturar o Red Snapper com sucesso reside na escolha do equipamento de pesca certo para eles.

Vamos explorar alguns equipamentos populares usados ​​​​para a pesca do pargo, ajudando você a tomar uma decisão informada para sua próxima viagem na água.



Um equipamento de pesca, em termos simples, é como você organiza iscas, anzóis, chumbadas e outros equipamentos em sua linha de pesca.

Por que plataformas específicas para Red Snapper?

Os habitats, o comportamento e os padrões de alimentação do pargo determinam a necessidade de configurações específicas de equipamento. Eles normalmente residem em águas profundas, ao redor de recifes, naufrágios e outras estruturas, portanto, seu equipamento precisa lidar com essas condições.

Os Red Snapper são curiosos e cautelosos, por isso apresentar a isca de maneira natural é essencial para atrair mordidas sem assustar os peixes.

Pesca de fundo Red Snapper no Golfo

Equipamentos eficazes de pesca de pargo vermelho

Pargo vermelho com jigging vertical

Técnica Go-To: O jigging vertical é um método altamente eficaz para mirar no Red Snapper.

Esta técnica envolve deixar cair um gabarito no fundo e recuperá-lo com um movimento agressivo e errático que imita o peixe-isca ferido, desencadeando os instintos predatórios do Red Snapper.

Pesca de fundo pargo vermelho

Abordagem testada e comprovada: A pesca de fundo é uma abordagem clássica para o Red Snapper. Posicione sua isca perto do fundo do mar em áreas com muitas estruturas, como recifes ou naufrágios.

O uso de um localizador de peixes pode ajudar muito na identificação de locais-chave onde esses peixes se reúnem.

Pesca Red Snapper: dicas e técnicas profissionais

Dica de montagem:

Use um equipamento Knocker

As aldravas são altamente eficazes para a pesca de fundo, pois permitem que a isca seja apresentada perto da estrutura onde residem os pargos vermelhos.

Este equipamento permite que a isca se mova naturalmente, colocando a isca na zona de ataque mais rapidamente.

isca viva para pesca em águas profundas
Dica de isca:

Escolhendo isca fresca ou viva

O pargo-vermelho costuma ser atraído por iscas frescas ou vivas. Lulas, camarões e iscas cortadas como tainhas ou peixinhos de charuto são excelentes escolhas. Para iscas vivas, considere o uso de pinfish, grunhidos ou corvinas.

Prenda a isca pelos lábios ou perto da cauda para manter sua ação natural de natação.

Dica técnica:

Pesca de fundo com paciência

O pargo tende a ficar próximo à estrutura do fundo, então a pesca de fundo é uma técnica comum. Depois de localizar uma área promissora perto de recifes, destroços ou estruturas artificiais, jogue a isca no fundo e mantenha uma linha apertada.

Seja paciente e dê tempo ao pargo para encontrar e morder a isca antes de colocar o anzol.

Dica técnica:

Chumming para atrair Red Snapper

Chumming pode ser uma técnica eficaz para atrair o pargo para o seu local de pesca. Use um saco de chum ou balde cheio de isca cortada, partes de peixe ou chum disponível comercialmente.

Pendure-o na lateral do barco para liberar um fluxo constante de cheiro e pequenas partículas de comida, atraindo o pargo para se reunir em sua área de pesca.

Configuração do Red Snapper Rig

Um dos segredos para capturar o Red Snapper com sucesso reside na escolha do equipamento de pesca certo para eles.

Vamos explorar alguns equipamentos populares usados ​​​​para a pesca do pargo, ajudando você a tomar uma decisão informada para sua próxima viagem na água.

Um equipamento de pesca, em termos simples, é como você organiza iscas, anzóis, chumbadas e outros equipamentos em sua linha de pesca.

Bottom Fishing Red Snapper no Golfo do México

Configurando um Knocker Rig para pescar Red Snapper

Configurar um equipamento de aldrava para pescar pargo é uma técnica popular e eficaz. Aqui está um guia passo a passo para ajudá-lo a configurar seu equipamento de aldrava:

1. Reúna seu equipamento:

Você precisará de uma vara de pescar e um molinete, um equipamento de aldrava, um anzol circular, um cano giratório, uma linha líder, um peso (geralmente uma chumbada de ovo) e uma isca apropriada para o pargo.

2. Anexe a linha líder:

Pegue sua linha líder (geralmente fluorocarbono) e amarre-a no olhal do gancho circular usando um nó forte e confiável, como um nó Palomar ou um nó rebitado aprimorado.

3. Deslize o peso:

Deslize a chumbada de ovo na linha de pesca principal. O tamanho da chumbada dependerá da profundidade da água e da força da corrente. Uma regra geral é usar um peso entre 1 a 4 onças para a pesca do pargo.

4. Amarre o cano giratório:

Amarre o barril giratório no final da linha de pesca principal usando um nó forte, como um nó Palomar ou um nó de rebitagem aprimorado. O giro do barril atua como um ponto de conexão entre a linha principal e a linha principal.

5. Prenda o líder ao giro:

Pegue a outra ponta da linha líder (aquela com o gancho circular) e amarre-a na ponta aberta do cano giratório usando um nó forte.

6. Ajuste o comprimento do líder:

O comprimento da linha líder pode variar, mas uma recomendação comum para a pesca do pargo é entre 18 e 36 polegadas. Ajuste o comprimento com base na sua preferência e nas condições de pesca.

7. Prenda a isca:

Passe a isca escolhida (como isca cortada, lula ou isca viva) no anzol circular, garantindo que esteja bem preso. Certifique-se de que a ponta do anzol esteja exposta e pronta para pegar o peixe.

8. Verifique a configuração:

Verifique novamente todas as conexões e nós para garantir que estejam seguros. Dê ao equipamento alguns balanços de teste para garantir que ele lance suavemente e que o peso e a isca permaneçam no lugar.

As opções populares de iscas para o pargo incluem lulas vivas ou cortadas, camarões e tainhas.

A pesca do pargo vermelho oferece uma experiência emocionante e gratificante para os pescadores que procuram capturar esta espécie premiada.

Antes de sair, é essencial se familiarizar com os regulamentos locais de pesca, pois as temporadas, os limites de bagagem e as restrições de tamanho podem variar.

Quando se trata de equipamentos, varas de pesca médias a pesadas e molinetes com força de linha de 20 a 40 libras são recomendados.

Mirar em áreas como recifes, saliências, naufrágios e estruturas artificiais aumenta suas chances de encontrar o pargo-vermelho.

A pesca responsável é fundamental para conservar a população de pargos vermelhos.

Pratique o pesque e solte quando apropriado, manuseie os peixes com cuidado e respeite os limites de tamanho e saco para garantir a sustentabilidade a longo prazo desta valiosa pescaria.

Locais Red Snapper no Golfo do México

Segurando peixes capturados no Golfo do México

Onde os Red Snappers são capturados:

O pargo é comumente encontrado perto de várias estruturas no Golfo do México. Eles estão frequentemente associados a recifes naturais, recifes artificiais, plataformas petrolíferas, naufrágios e outras estruturas subaquáticas.

Esses locais fornecem abrigo e atraem peixes-isca, tornando-os habitats ideais para o pargo. Algumas áreas bem conhecidas para a pesca do pargo no Golfo do México incluem o Oleoduto Gulfstream, Flower Garden Banks, a costa do Texas, o Mississippi Sound e as plataformas de petróleo offshore da Louisiana.

Mais pesca de pargo vermelho

Carolina Rig para capturar Red Snapper
Carolina Rig para pescar Red Snapper em água salgada em torno de recifes, naufrágios e…
Red Snapper: Oleoduto Gulfstream
Pescar no oleoduto Gulfstream no Golfo do México A aventura espera por todos…
Capturando Red Snapper no Golfo do México
"\n\n\tCapturando Red Snapper no Golfo do Trailer\nNo emocionante mundo de …

Gasparilla Flórida Pesca Grand Slam Snook Redfish Truta

Pesca Gasparilla Florida Grand Slam Costeiro

Aventura de pesca costeira em Gasparilla, Flórida: em busca do Grand Slam

Capturando o grande cantarilho Gasparilla Florida

Pesca Gasparilla, Flórida

situado ao longo da Costa do Golfo, é um paraíso para os pescadores que buscam a emoção da pesca costeira. Com seus abundantes cursos de água, diversos ecossistemas marinhos e uma variedade de espécies de peixes, Gasparilla oferece uma experiência excepcional para pescadores iniciantes e experientes. Neste artigo, mergulharemos no emocionante mundo da pesca costeira em Gasparilla, concentrando-nos em técnicas essenciais como iscas vivas e cordame, bem como na busca do cobiçado “Grand Slam” composto por Robalo, Cantarilho e Truta Salpicada.

Chasin Action Fishing Charters Boca Grande CAC

Assista ao vídeo: Gasparilla FL, Grand Slam EP41

Grand Slam costeiro: pesca em Gasparilla Florida para robalo, cantarilho e truta salpicada

Pesca Costeira Gasparilla: Robalo, Cantarilho e Truta

Gasparilla, na Flórida, possui um pitoresco e diversificado playground de pesca costeira. Suas águas incluem estuários ladeados por manguezais, canais sinuosos, planícies gramadas e rios de maré que criam um habitat ideal para várias espécies de peixes. Entre as espécies costeiras mais procuradas estão o robalo, o cantarilho e a truta salpicada, que constituem um desafio emocionante e uma aventura de pesca memorável.

Capturando Truta Salpicada Gasparilla Florida

Isca Viva e Rigging

Para aumentar suas chances de sucesso nas águas costeiras de Gasparilla, é crucial dominar as técnicas de isca viva e aparelhamento. Aqui está um resumo de algumas dicas essenciais:

Configuração de equipamento de pesca Peixe costeiro comum Robalo Cantarilho e truta

Seleção de iscas vivas para peixes costeiros:

Camarão: Camarões vivos ou mortos são excelentes opções de isca, especialmente para cantarilho e truta salpicada.

Pinus: Pinfish pequenos e vivos podem ser irresistíveis para Snook.

Tainha de dedo: Ao atingir peixes maiores, como o robalo, usar a tainha pode ser altamente eficaz.

Melhores iscas artificiais para peixes costeiros: colheres de ouro

Técnicas de Rigging:

Para Snook e Redfish, considere usar um líder de fluorocarbono de 20-30 lb para evitar que os peixes vejam sua linha.

Use um anzol circular para pescar e soltar, pois minimiza ferimentos nos peixes.

Experimente diferentes estilos de rigging, como popping rolhas, split-shot rigs e free-lining, dependendo da espécie-alvo e das condições.

Grand Slam costeiro: robalo cantarilho e truta

O desafio do Grand Slam

Conseguir um “Grand Slam” em Gasparilla, capturando robalo, cantarilho e truta salpicada num único dia, é uma meta ambiciosa que mostra a diversidade da pescaria da região.

Cada uma dessas espécies apresenta seu próprio desafio:

Robalo:

Snook são conhecidos por suas corridas poderosas e lutas desafiadoras.

Eles são freqüentemente encontrados em torno de linhas costeiras de manguezais, docas e estacas de pontes.

Para aumentar suas chances de pegar um robalo, pesque durante o amanhecer e o anoitecer, quando eles estão mais ativos.

Peixe vermelho:

Os cantarilhos são conhecidos pela sua mancha distinta na cauda e pela sua preferência por águas rasas.

Eles se alimentam em buracos arenosos, bares de ostras e planícies gramadas.
Experimente pescar cantarilhos em um dia claro, procurando suas caudas ou rastros enquanto se alimentam.

Truta Salpicada:

A truta salpicada é normalmente encontrada em áreas gramadas e fundos arenosos.

Eles são conhecidos por seu apetite voraz e disposição para atacar uma variedade de iscas.
Lançar iscas de plástico macio ou usar camarão vivo sob uma rolha pode ser um método eficaz.
Guias locais e experiência

Truta Salpicada Duplicada Gasparilla Florida

Embora pescar por conta própria possa ser uma experiência gratificante, Gasparilla também oferece a opção de contratar guias profissionais locais. Esses pescadores experientes possuem conhecimento íntimo das águas, marés e comportamento dos peixes da região, aumentando suas chances de uma pescaria bem-sucedida.

Eles podem fornecer não apenas orientação sobre técnicas, mas também acesso aos principais locais de pesca e aos conhecimentos locais mais recentes.

A pesca costeira em torno de Gasparilla, Flórida, oferece uma experiência emocionante e diversificada para pescadores de todos os níveis de habilidade. A busca por um “Grand Slam” com robalo, cantarilho e truta salpicada adiciona uma camada extra de emoção à sua aventura de pesca.

Quer você opte por pescar por conta própria ou contar com a experiência de um guia local, as águas abundantes de Gasparilla prometem lembranças inesquecíveis e a emoção de pescar algumas das espécies costeiras mais procuradas da Flórida.

Então, arrume seu equipamento e prepare-se para uma memorável expedição de pesca costeira em Gasparilla, onde cada lançamento pode levar a uma captura épica.

Explore Mais

Pesca de pargos de mangue

Pesca de Mangrove Snapper no Golfo Junte-se a nós enquanto nos preparamos para o Mangrove Snapper, pesca em água salgada ao longo da Flórida…
Pesca de atum Blackfin no Golfo

Pesca de atum Blackfin no Golfo O atum Blackfin é um peixe poderoso e cheio de ação para pescar no Golfo do México, vamos…

Guia para iniciantes: varas de pesca, molinetes e tipos de gabarito de passo lento
Guia para iniciantes: varas de pesca, molinetes e tipos de gabarito de passo lento